RevisãO 1 unidade –9° ano leia o texto abaixo Um pouco da história de Cecília Meireles



Baixar 59.98 Kb.
Encontro02.08.2016
Tamanho59.98 Kb.
 
 


REVISÃO



1 UNIDADE –9° ANO


Leia o texto abaixo

Um pouco da história de Cecília Meireles
Cecília Meireles é uma das grandes escritoras da literatura brasileira. Ela nasceu no dia 7 de novembro de 1901, na cidade do Rio de Janeiro, e seu nome completo era Cecília Benevides de Carvalho Meireles. Sua infância foi marcada pela dor e solidão, pois perdeu a mãe com apenas três anos de idade e o pai ela não chegou a conhecer (morreu antes do seu nascimento). Foi criada pela avó dona Jacinta. Por volta dos nove anos de idade, Cecília começou a escrever suas primeiras poesias. Estudiosos de sua obra dizem que seus poemas encantam os leitores de todas as idades.
Disponível em http://www.suapesquisa.com/biografias/cecilia_meireles.htm

QUESTÃO 1. A frase que apresenta uma opinião sobre Cecília Meireles é 

A) “Foi criada pela avó Dona Jacinta”.


B) “Ela nasceu no dia 7 de novembro de 1901”.
C) “... perdeu a sua mãe com apenas três anos de idade”.
D) “ (...) seus poemas encantam os leitores de todas as idades”

Leia o texto abaixo
O outro sapo

Era uma vez um sapo. Certo dia, quando estava sentado na sua vitória-régia, viu uma linda princesa descansando à beira do lago. O sapo pulou dentro da água, foi nadando até ela e mostrou a cabeça por cima das plantas aquáticas. “Perdão, ó linda princesa”, disse ele com sua voz mais triste e patética. “Será que eu poderia contar com vossa ajuda?” A princesa estava prestes a dar um salto e sair correndo, mas ficou com pena daquele sapo com sua voz tão triste e patética. Assim, ela perguntou: “O que posso fazer para te ajudar, sapinho?” “Bem”, disse o sapo. “Na verdade, eu não sou um sapo, mas um belo príncipe transformado em sapo pelo feitiço de uma bruxa malvada. E esse feitiço só pode ser quebrado pelo beijo de uma linda princesa”. A princesa pensou um pouco, depois ergueu o sapo nas mãos e lhe deu um beijo. “Foi só uma brincadeira”, disse o sapo. Pulou de volta no lago, e a princesa enxugou a baba de sapo dos seus lindos lábios.

Jon Scieszka. Disponível em http://www.funcefet.com.br/extensao/gestao/arquivosportal/file
QUESTÃO 2. A opinião do autor a respeito da voz do sapo é
A) voz mansa e suave 
B) estridente e aguda 
C) triste e melancólica 
D) triste e patética

Leia a tirinha abaixo



QUESTÃO 3. O marido convida a esposa para conhecer o novo jogo do PS3 porque


  1. a esposa demonstrou interesse em conhecê-lo

  2. o jogo dá dicas de emagrecimento para mulheres

  3. foi a melhor opção para não desagradá-la

  4. ele queria ser o mais sincero possível

Leia a imagem abaixo



QUESTÃO 4. A separação das letras da palavra em balões distintos tem a finalidade de reforçar

A) a dificuldade de conexão entre as pessoas

B) a aceleração da vida na contemporaneidade

C) o desconhecimento das possibilidades de diálogo

D) o desencontro de pensamentos sobre um assunto

Leia o texto abaixo

Mente quieta, corpo saudável

A meditação ajuda a controlar a ansiedade e a aliviar a dor? Ao que tudo indica, sim. Nessas duas áreas os cientistas encontraram as maiores evidências da ação terapêutica da meditação, medida em dezenas de pesquisas. Nos últimos 24 anos, só a clínica de redução do estresse da Universidade de Massachusetts monitorou 14 mil portadores de câncer, AIDS, dor crônica e complicações gástricas. Os técnicos descobriram que, submetidos a sessões de meditação que alteraram o foco da sua atenção, os pacientes reduziram o nível de ansiedade e diminuíram ou abandonaram o uso de analgésicos.

Revista Superinteressante, outubro de 2003.

QUESTÃO 5. O texto tem por finalidade

A) criticar.

B) conscientizar.

C) denunciar.

D) informar.
Leia o texto abaixo



QUESTÃO 6. Como se percebe no texto, um bilhete tem a finalidade de


  1. informar detalhadamente o leitor

  2. transmitir informações resumidas para o leitor

  3. narrar detalhadamente para o leitor

  4. emocionar profundamente o leitor

Leia os textos abaixo

Texto 1

Mapa da devastação

A organização não governamental SOS Mata Atlântica e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais terminaram mais uma etapa do mapeamento da Mata Atlântica O estudo iniciado em 1990 usa imagens de satélite para apontar o que restou da floresta que já ocupou 1,3 milhão de km2, ou 15% do território brasileiro. O atlas mostra que o Rio de Janeiro continua o campeão da motosserra. Nos últimos 15 anos, sua média anual de desmatamento mais do que dobrou.

Revista Isto É – nº 1648 – 02-05-2001 São Paulo – Ed. Três.

Texto 2

Há qualquer coisa no ar do Rio, além de favelas.

Nem só as favelas brotam nos morros cariocas. As encostas cada vez mais povoadas no Rio de Janeiro disfarçam o avanço do reflorestamento na crista das serras, que espalha cerca de 2 milhões de mudas nativas da Mata Atlântica em espaço equivalente a 1.800 gramados do Maracanã. O replantio começou há 13 anos, para conter vertentes ameaçadas de desmoronamento. Fez mais do que isso. Mudou a paisagem. Vista do alto, ângulo que não faz parte do cotidiano de seus habitantes, a cidade aninha-se agora em colinas coroadas por labirintos verdes, formando desenhos em curva de nível, como cafezais.

Revista Época – n. 83. 20-12-1999. Rio de Janeiro – Ed. Globo. p. 9.
QUESTÃO 7. Uma declaração do segundo texto que contradiz o primeiro é

A) a mata atlântica está sendo recuperada no Rio de Janeiro.

B) as encostas cariocas estão cada vez mais povoadas.

C) as favelas continuam surgindo nos morros cariocas.

D) o replantio segura encostas ameaçadas de desabamento.

Leia os textos abaixo

Texto 1

O que é Diabetes

Existem 2 tipos básicos de diabetes. Diabetes tipo 1 ocorre quando o sistema imunológico destrói as células beta no pâncreas, que são as células que produzem insulina. Como resultado, o corpo produz muito pouco ou nenhuma insulina. Pessoas com diabetes tipo 1 devem tomar insulina diariamente. Às vezes o diabetes tipo 1 é chamado de diabetes juvenil ou diabetes insulinodependente.

Diabetes tipo 2 ocorre quando o pâncreas não produz insulina suficiente ou o corpo não pode usar adequadamente a insulina que ele produz. Eventualmente, o pâncreas pode parar completamente de produzir insulina. O diabetes tipo 2 pode afetar pessoas de qualquer idade. Em homens e mulheres, quanto mais excesso de peso o indivíduo tiver, maior o risco de desenvolver o diabetes tipo 2.

Disponível em: . Acesso em: 20 dez.2011.

Fragmento.

Texto 2

Diabéticos treinados para cuidar de si próprios

[...] O autocuidado é a chave para prevenir o diabetes tipo 2, que responde por 90% dos casos que atinge principalmente adultos. Seu desenvolvimento está associado ao ganho de gordura abdominal, e a gordura afeta a ação da insulina, tornando-a menos eficiente na função de transportar a glicose do sangue para dentro das células.

Para compensar essa redução de eficiência, o pâncreas produz mais insulina e acaba sobrecarregando suas células, que morrem precocemente. Após 10 anos, em média, o organismo perderá perto de 50% destas células e com elas a capacidade de processar a glicose, elevando sua concentração no sangue até caracterizar o diabetes.

NETO, Dr. Miguel Cendorógio. !n: Veja. Nov. 2010. Fragmento.


QUESTÃO 8. Sobre o diabetes, um aspecto comum a esses dois textos é

A) a causa e o efeito da incapacidade de processar a glicose.

B) a destruição do sistema imunológico.

C) a necessidade dos doentes tomarem insulina diariamente.

D) a relação entre o diabete tipo 2 e o excesso de peso

Leia o texto abaixo

A senhora, uma dona de casa, estava na feira, no caminhão que vende galinhas. O vendedor ofereceu-lhe uma. Ela a olhou, passou a mão embaixo das suas asas, apalpou o seu peito, alisou as suas coxas, depois tornou a colocá-la na banca e disse para o vendedor : ‘Não presta!’ Aí o vendedor olhou pra ela e disse: ‘Também, madame, num exame assim nem a senhora passava.”


Millôr Fernandes. In: Lutar com Palavras” de Irandé Antunes (p.76)
QUESTÃO 9. O termo sublinhado no trecho “Ela a olhou, passou a mão embaixo das suas asas” está substituindo o termo

  1. vendedor

  2. galinha

  3. coxas

  4. dona de casa

Leia o texto abaixo

Construção de rodovia

Uma rodovia estava sendo construída em um vilarejo e um dos residentes sentou-se durante muitas horas para assistir à realização das obras. Um homem aproximou-se dele:
- Olá, sou o engenheiro que realizou o projeto, o responsável pela obra e pelas máquinas.
- Olá, eu sou o morador do vilarejo.
- Pelo que pude notar, você nunca havia visto uma rodovia moderna ser construída. Diga-me, como construíam estradas por aqui?
- Bem, quando queremos construir uma estrada entre um vilarejo e o seguinte, soltamos um burro velho e o animal escolhe o caminho mais curto e mais seguro. É ali que construímos a nossa estrada.
- E o que fazem quando não há burros?
- Aí, chamamos um engenheiro.

Mario Atcalá Canto, México. Seleções Reader’s Digest. Outubro 2010. p. 99.
QUESTÃO 10. No trecho “Um homem aproximou-se dele” (l.3), a palavra destacada refere-se


A) a um dos residentes 
B) ao morador do vilarejo
C) ao engenheiro
D) ao animal

Leia o texto abaixo

No verão, a massa Tropical Atlântica provoca chuvas, devido ao aquecimento do continente. No inverno, ocorre o avanço da massa Polar Atlântica, O encontro entre a massa Tropical e a massa Polar provoca chuvas frontais. Depois das chuvas, a massa Polar permanece parada e ocasiona “ondas de frio” de intensidade e duração variáveis. É quando ocorrem as geadas e, em algumas regiões, a queda de neve.

Demétrio Magnoli; Regina Araújo. A nova geografia, São Paulo, Moderna, 1992, p. 248.

QUESTÃO 11. A permanência da massa Polar na atmosfera provoca


  1. chuvas fortes

  2. chuvas frontais

  3. ondas de frio

  4. aquecimento do continente

Leia o trecho abaixo

Manguezais: a alquimia da vida

Árvores retorcidas com raízes expostas. Águas escuras, lamacentas, salobras; às vezes, malcheirosas. Apesar da aparência insalubre, os manguezais são ricos em vida. Um paraíso para seres famintos, em grande parte microscópicos, como protozoários e fungos. (...) No chão lamacento, a vegetação decomposta combina-se com proteínas e minerais trazidos pelos rios, chuvas e lençóis freáticos. (...) A fartura torna possível a existência de superpopulação - em um metro quadrado de manguezal, coexistem até 10 mil indivíduos de diferentes espécies. (...) O Brasil está entre os países com maiores áreas de manguezais do planeta.

QUESTÃO 12. A abundância de material ecológico nos manguezais gera

  1. a existência de milhares de espécies

  2. o paraíso de seres famintos

  3. a aparência insalubre

  4. o chão lamacento

Leia o texto abaixo

A escolha da profissão

Ao longo da vida escolar, os alunos, em algum momento, devem pensar sobre a profissão que pretendem exercer quando estiverem adultos. Alguns deles crescem determinados desde a infância, sabendo em que irão trabalhar, mas muitos (...) conseguem definir o caminho a seguir, desde cedo.

Realmente, não é uma decisão fácil, mas algumas atitudes podem ajudar. O fundamental é conhecer as diversas profissões existentes no mercado, bem como especializações, ou seja, as diferentes opções que existem.

Disponível em http://www.brasilescola.com/educacao/a-escolha-profissao.htm. Adaptado.



QUESTÃO 13. A expressão “Ao longo da vida escolar” expressa a ideia de

  1. modo

  2. tempo

  3. causa

  4. consequência

Leia o texto abaixo

Profissão: Jornalista

curso de Jornalismo tem como princípio a divulgação e a procura de informações através do uso de veículos de comunicação, como revistas, rádio e internet. Lida com dados habituais, notícias e divulgação de informações. Tem como principal atividade a coleta, edição, redação e publicação de notícias e informações cotidianas.

O curso atende às transformações e inovações da mídia, capacitando o aluno formado a desenvolver sua criatividade e seu senso crítico para a elaboração da informação. Além disso, o curso de Jornalismo oferece competências ao estudante para que ele esteja apto a apurar os fatos com precisão, redigindo textos de forma coerente e adequando-os aos diferentes meios nos quais serão publicadas as informações.

QUESTÃO 14. A expressão “Além disso”, destacada no texto, expressa a ideia de

  1. causa

  2. consequência

  3. acréscimo

  4. negação

Leia o texto abaixo

Os inimigos do meio ambiente

Os venenos ambientais nunca seguem regras. Quando o mundo pensa ter descoberto tudo o que é preciso para controlá-los, eles voltam a atacar. Quando removemos o chumbo da gasolina, ele ressurge nos encanamentos envelhecidos. Quando toxinas e resíduos são enterrados em aterros sanitários, contaminam o lençol freático. Mas ao menos acreditávamos conhecer bem o mercúrio. Apesar de todo o seu poder tóxico, desde que evitássemos determinadas espécies de peixes nas quais o nível de contaminação é particularmente elevado, estaríamos bem. [...].

Mas o mercúrio é famoso pela capacidade de passar despercebido. Uma série de estudos recentes sugere que o metal potencialmente mortífero está em toda parte — e é mais perigoso do que a maioria das pessoas acredita.
Jeffrey Kluger. IstoÉ. n. 1927, 27/06/2006, p.114-115.
QUESTÃO 15. A tese defendida no texto é
A) as substâncias tóxicas, em aterros, contaminam o lençol freático.

B) o chumbo da gasolina ressurge com a ação do tempo.

C) o mercúrio apresenta alto teor de periculosidade para a natureza.

D) o total controle dos venenos ambientais é impossível.



Leia o texto abaixo

Preservando o ambiente aquático

A preservação do meio ambiente é importante tanto para os animais (espécies) quanto para o homem. Os mangues no Brasil, por exemplo, são ecossistemas de transição entre a terra e o mar. Suas águas são ricas em sais minerais e matéria orgânica. Porém a poluição vem destruindo nossos manguezais.


Esta poluição é causada por esgotos jogados nos mangues, navios e indústrias petroquímicas, etc. Devemos ter consciência que a relação entre os seres vivos entre si e com o ambiente permite a sobrevivência das espécies e que os ecossistemas precisam estar em equilíbrio dinâmico para que possam oferecer boas condições ao desenvolvimento da vida.

Uma das causas da depredação do meio ambiente é o derramamento de petróleo no mar. O petróleo flutua na água porque é menos denso que a água, formando uma camada que impede a penetração de gás oxigênio e de luz do Sol. Sem oxigênio, os peixes morrem e sem luz solar, as plantas não realizam a fotossíntese.

Disponível em http://www.soq.com.br/conteudos/ef/meioambiente/



QUESTÃO 16. A tese defendida no texto é

  1. as águas dos manguezais são importantes para o meio ambiente

  2. somente com a preservação ambiental é possível garantir a vida dos ecossistemas

  3. os mangues são ecossistemas de transição entre a terra e o mar

  4. o petróleo flutua na água porque é menos denso que a água

Leia o texto abaixo

Revolução nos cinemas


Naves saltando da tela, monstros prestes a atacar o público e sensação de estar voando são alguns exemplos de cenas dos filmes em 3D que se tomaram febre nos últimos anos. A cada nova produção, a tecnologia nas salas de cinema fica aprimorada, levando o espectador para mais perto do real. Por isso, investir em películas tem sido a regra em todo o mundo - e sempre dando lucros. 
Segundo levantamento da Agência Nacional do Cinema (Ancine) realizado de 1o de janeiro a 2 de setembro de 2010, o filme Shrek para sempre 3D registrou lucro de RS 70,1 milhões - a maior renda bruta dos cinemas brasileiros. A animação teve 779 cópias exibidas em 687 salas em todo o país, para um público de 7,3 milhões de pessoas. (...) 
O filme que bateu recorde de bilheterias no mundo todo e aqui no Brasil, de acordo com o Grupo Severiano Ribeiro, foi Avatar 3D, faturando mais de USS 2,5 bilhões. Em terras brasileiras, o filme ultrapassou o posto anterior que pertencia ao filme A era do gelo 3.

TORRES. Bruna Correio Brasiliense. Brasília, quinta-feira. 4 de nov. 2010 Caderno de Artes. p. 14. Fragmento.



QUESTÃO 17. Nesse texto, o argumento que sustenta a tese de que "investir em películas tem sido a regra em todo o mundo e dá lucro" é que.

  1. as cópias se multiplicam.

  2. as figuras saltam da tela.

  3. os filmes são quase reais.

  4. os lucros são astronômicos.

Leia o texto abaixo

Meio ambiente e tecnologia: não há contraste, há solução.

Uma das maiores preocupações do século XXI é a preservação ambiental, fator que envolve o futuro do planeta e, consequentemente, a sobrevivência humana. Contraditoriamente, esses problemas da natureza, quando analisados, são equivocadamente colocados em oposição à tecnologia.

(...)

Mas, se a tecnologia significa conhecimento, nesse caso, não vemos contrastes com o meio ambiente. Estamos numa época em que preservar os ecossistemas do planeta é mais do que avanço, é uma questão de continuidade das espécies animais e vegetais, incluindo-se principalmente nós, humanos. (...).



Fonte: Revista Cult, ano 12, out. 2012.

QUESTÃO 18. Um dos argumentos que sustentam a tese de que uma das maiores preocupações do século XXI é a preservação ambiental é

  1. a sobrevivência humana

  2. o avanço da tecnologia

  3. a continuidade das espécies animais e vegetais

  4. a necessidade de preservar os ecossistemas


Leia o texto abaixo

Chove chuva


Chove chuva, chove sem parar...

Hoje eu vou fazer uma prece


Pra Deus, nosso senhor
Pra chuva parar de molhar o meu divino amor
Que é muito lindo, é mais que o infinito
É puro e é belo, inocente como a flor.

Por favor, chuva ruim


Não molhe mais o meu amor assim
Por favor, chuva ruim
Não molhe mais o meu amor assim.

Chove chuva, chove sem parar...

Jorge Benjor. Disponível em http://letras.mus.br/jorge-ben-jor/46643

QUESTÃO 19. A repetição do “ch” no verso “Chove chuva, chove sem parar” expressa


  1. a sonoridade da chuva

  2. o excesso de chuva

  3. o desprezo pela chuva

  4. a beleza da chuva

Leia o texto abaixo

Magia das árvores

Eu já lhe disse que as árvores fazem frutos do nada e isso é a mais pura magia. Pense agora como as árvores são grandes e fortes, velhas e generosas e só pedem em troca um pouquinho de luz, água, ar e terra. É tanto por tão pouco! Quase toda a magia da árvore vem da raiz. Sob a terra, todas as árvores se unem. É como se estivessem de mãos dadas. Você pode aprender muito sobre paciência estudando as raízes. Elas vão penetrando no solo devagarinho, vencendo a resistência mesmo dos solos mais duros. Aos poucos vão crescendo até acharem água. Não erram nunca a direção. Pedi uma vez a um velho pinheiro que me explicasse por que as raízes nunca se enganam quando procuram água e ele me disse que as outras árvores que já acharam água ajudam as que ainda estão procurando. - E se a árvore estiver plantada sozinha num prado? - As árvores se comunicam entre si, não importa a distância. Na verdade, nenhuma árvore está sozinha. Ninguém está sozinho. Jamais. Lembre-se disso.

Máqui. Magia das árvores. São Paulo: FTD, 1992.

QUESTÃO 20. No trecho “ - Ninguém está sozinho. Jamais. Lembre-se disso”, as frases curtas produzem o efeito de

(A) continuidade.

(B) dúvida.

(C) ênfase.



(D) hesitação.
Catálogo: system -> files -> private -> midiateca -> documentos -> 2015
documentos -> Transporte rodoviário de pessoal – grupo I
documentos -> Edital de convocaçÃo cargo –Professor o secretário da educaçÃo do estado da bahia
documentos -> Edital de convocaçÃo cargo –Professor o secretário da educaçÃo do estado da bahia
documentos -> Edital de convocaçÃo cargo –Professor o secretário da educaçÃo do estado da bahia
2015 -> RevisãO 2 unidade –9° ano
2015 -> Revisão I unidade – 6º ano º ano leia o texto abaixo. O elefantinho
2015 -> RevisãO 2 unidade – 6º ano leia o texto abaixo. O menino Maluquinho
2015 -> Objetivos de aprendizagem de ciências – 6º ano ensino fundamental II
2015 -> Procedimentos de pesquisa
2015 -> Clara, permitindo que o mesmo seja compreendido pelos participantes da discussão pública. Concordo fortemente Concordo Sem opinião Discordo Discordo fortemente. 2 O objetivo de aprendizagem é relevante


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal