Secretaria de comunicaçÃo social



Baixar 7.92 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho7.92 Kb.

SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL



imprensa@itanhaem.sp.gov.brwww.itanhaem.sp.gov.br

29.04.08
BALANÇO – desde abril do ano passado foram realizadas 15 mostras, totalizando quase 6 mil visitantes. Dentre elas, “Artesanato em Fibra de Banana” que reuniu 1.180 pessoas, e a 6ª Mostra Cultural Indígena que atraiu 683
Secretaria de Turismo aumenta exposições na Casa de Câmara e Cadeia
Até a próxima quinta-feira (1º), o espaço abrigará a exposição fotográfica Ayvu Rapitá – Retratos de Uma Civilização, do jornalista Antônio Vargas, sobre diversas tribos indígenas brasileiras
Com o objetivo de estimular o acesso às diversas manifestações culturais e artísticas, a Secretaria de Turismo está ampliando a realização de exposições na Casa de Câmara e Cadeia. Além de valorizar o espaço, as inúmeras mostras promovidas estão divulgando o trabalho de diversos artistas da Região.
Desde abril do ano passado foram realizadas 15 exposições, com a presença de quase 6 mil visitantes. As mostras que tiveram maior procura foram “Artesanato em Fibra de Banana”, que expôs produtos como tapetes, bonecas e cestos feitos com a matéria-prima para 1.180 visitantes; a 6ª Mostra Cultural Indígena, que atraiu 683 pessoas ao retratar o dia-a-dia dos índios da aldeia Piaçagüera; e “Conhecendo a Ilha da Queimada Grande”, que mostrou por meio de fotos o único lugar do mundo que abriga a espécie de cobra jararaca-ilhoa, para 652 visitantes.
Segundo o secretário de Turismo, Silvio Lousada, além de resgatar a memória de personalidades importantes para a história de Itanhaém, as mostras realizadas até hoje têm tido como característica principal valorizar a cultura enraizada na Cidade e na Região. “Além de tornar a Casa de Câmara e Cadeia num dos pontos mais visitados, proporcionamos aos turistas a oportunidade de conhecerem um pouco mais os nossos costumes”.
Até a próxima quinta-feira (1º), a Casa de Câmara e Cadeia abriga a exposição fotográfica Ayvu Rapitá – Retratos de Uma Civilização, do jornalista Antônio Vargas, sobre diversas tribos indígenas brasileiras. O espaço fica na Praça Narciso de Andrade, s/nº, no Centro Histórico. A entrada custa R$ 1,00. Crianças abaixo de 12 anos e idosos acima de 60 anos não pagam.


PREFEITURA MUNICIPAL DE ITANHAÉM


SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

Avenida Washington Luiz, 75 – Centro

Telefax.: (13) 3421.1616 / 3421.1603


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal