SÉrie: princípios de vida em cristo



Baixar 10.64 Kb.
Encontro04.08.2016
Tamanho10.64 Kb.
IGREJA BATISTA VIDA NOVA - 2008

SÉRIE: PRINCÍPIOS DE VIDA EM CRISTO


ESTUDO 4: DEUS TEM PLANOS!

Lucas 9.22: É necessário que o Filho do homem sofra muitas coisas e seja rejeitado pelos líderes religiosos, pelos chefes dos sacerdotes e pelos mestres da Lei, seja morto e ressuscite ao terceiro dia.

Este texto acima descreve palavras do Senhor Jesus aos seus discípulos em meados do seu ministério com os Doze. Talvez alguém possa pensar que a morte de Jesus tenha sido um “erro de percurso”, mas está bem claro que tudo aconteceu conforme o Plano estabelecido por Deus. A Bíblia afirma que o Plano já estava determinado antes mesmo da fundação do mundo! (Ef 1.4).

É importante que os discípulos de sua célula entendam que Deus tem planos. A vinda do Messias, a rejeição sofrida por parte dos judeus e dos romanos, a crucificação e sua ressurreição – tudo isso fez parte de um plano perfeito traça do pelo nosso Criador. E a finalidade deste plano é nos abençoar, nos tornar um Povo exclusivo de Deus! (Ap. 1.6, I Pe 2.9, 10).



Como entender os planos de Deus? A Palavra de Deus nos apresenta a revelação dos propósitos de Deus. Porém, as Escrituras mesmo nos previnem que nem sempre atingiremos o nível de compreensão necessário para entender os “pensamentos de Deus”. Sobre isso escreveu Isaías: Assim como os céus são mais altos do que a terra, também os meus caminhos são mais altos do que os seus caminhos, e os meus pensamentos, mais altos do que os seus pensamentos. (Is 55.9)

Jesus começou sua palavra em Lc 9.22, dizendo “é necessário”. Bem, quem determina o que é e o que não é necessário, é o Soberano Deus. De nossa parte, devemos confiar nEle. Foi exatamente isso que Deus cobrou do profeta Habacuque quando este abriu o coração e declarou não compreender a coerência do plano que Deus estava executando para com Israel no seu tempo. Habacuque, inclusive, disse pra Deus que se colocaria na torre de vigia e que não desceria de lá enquanto não tivesse uma explicação (Hc 2.1). 1

A resposta que Deus deu ao profeta foi tremenda: mas o justo viverá pela sua fidelidade. (Hc 2.4). Outras traduções trazem “fé” ao invés de “fidelidade”. Ou seja, da nossa parte precisamos CRER que Deus sabe o que faz, que Ele está no controle e que os planos dEle são perfeitos.

Jesus se entregou a cumprir o Plano do Pai. Em Lc 9.22, Jesus demonstrou que estava plenamente consciente dos propósitos de Deus. Até mesmo porque tais propósitos foram sendo revelados por Deus aos profetas do Antigo Testamento, que mesmo sem saberem, registraram em diversas porções das Escrituras as profecias que se cumpriram no Messias. Assim, em Lc 22.37, Jesus declarou: É necessário que se cumpra o que de mim está escrito... Sim, o que de mim está escrito será cumprido. O apóstolo Paulo escreveu em I Co 15.3: Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras. Isto é, segundo o que Deus já revelara aos profetas do Antigo Testamento.2

Deus também tem planos para sua vida! Não há razão para você duvidar disso. É preciso fazer o mesmo que Jesus fez e se entregar pela fé a viver os Planos do Pai. Há dois textos na Palavra que nos ajudam a entender que os Planos de Deus são o melhor para nossas vidas aqui na Terra:


  1. Jeremias 29.11: Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês, diz o Senhor, planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro.

  2. Salmo 40.5: Senhor meu Deus! Quantas maravilhas tens feito! Não se pode relatar os planos que preparaste para nós! Eu queria proclamá-los e anunciá-los, mas são por demais numerosos!

O que Deus tem preparado para nós? Você sabe que há pessoas que vivem de fazer prognosticações, adivinhações. A Bíblia condena este tipo de prática – chamados de “espíritos de adivinhação”. No entanto, há promessas de Deus registradas na Palavra que nos dão algumas idéias do que o Senhor reserva para Seu povo no futuro. Em I Coríntios 2.9, temos uma promessa que resume o que Deus tem preparado para nós, que O amamos: Olho nenhum viu, ouvido nenhum ouviu, mente nenhuma imaginou o que Deus preparou para aqueles que o amam. O nosso Deus, a quem amamos de verdade, tem um Plano para sua vida. Esse plano é para agora e para a eternidade.

Termine este estudo orando com os presentes a sua célula. Leve-os a declarar em oração que reconhecem que Deus é perfeito e que Ele tem planos perfeitos. Que a morte de Jesus na cruz foi parte de um Plano Perfeito de Deus. Permita que cada um ore e declare que se submete ao plano de Deus para sua vida.

Que o Senhor continue abençoando sua vida e faça você frutificar abundantemente.

Na unção da colheita abundante,



Seus pastores.

1 Se você observar Habacuque 1, notará algumas perguntas que o profeta dirige ao Senhor. Seu inconformismo, basicamente, se devia ao fato de o Senhor haver escolhido para punir a rebeldia de Israel uma nação ímpia, os caldeus (ou babilônicos). Raciocinava o profeta: como pode o Senhor abençoar uma nação “mais ímpia” para punir Israel? A resposta dada por Deus, sobre o justo viver pela fé, é utilizada pelo apóstolo Paulo na confecção da Epístola aos Romanos, tida como a mais importante de suas cartas. Esta mesma resposta foi responsável por impactar a vida de Martinho Lutero, no início do século XVI, culminando com a reforma protestante.

2 Sugiro que você leia pelo menos dois trechos das Escrituras que descrevem o sacrifício do Messias, como plano de Deus para a salvação do homem. Isaías 53 e o Salmo 22. São textos tremendos. Isaías viveu mais de 800 anos antes de Cristo e o rei Davi, a quem é atribuída a autoria do Salmo 22, viveu cerca de 1.000 anos antes do nascimento do Messias.


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal