Tema: Edificação e Evangelismo



Baixar 11.89 Kb.
Encontro02.08.2016
Tamanho11.89 Kb.
Cristo em Casa

Comunidade Cristã do Caminho

Mensagem do Culto Dominical

Domingo, 13 de Abril de 2014

Tema: Edificação e Evangelismo

Título: As bençãos advindas da cruz de Cristo.


Texto: Marcos 15 : 16 a 39
Propósito:

Reafirmar a centralidade da mensagem da cruz.

A cruz resume o amor de Deus pelo homem. Nela, Deus permite a morte de seu único e amado filho amado no lugar de cada um de nós. O justo morrendo pelos injustos. O inocente pagando pelo erros dos culpados. O santo entregando sua vida pelas vidas dos pecadores.

Em Cristo, Deus exerce sua justiça contra o pecado e abre a porta da salvação para todo aquele que, arrependido, receber o grande sacrifício de Jesus.


Introdução:

Estamos na semana chamada “santa” pela cristandade. Notadamente a igreja romana acredita que a paixão de Cristo ocorreu entre a próxima sexta e o domingo.

Mesmo não tendo como garantir essa data, convencionou-se que esse seria o periodo para se recordar o sacrifício de Jesus pela humanidade.

No entanto, percebemos um crescente esvaziamento de conteúdo nos feriados ditos cristãos. As pessoas só se preocupam com ameniades, consumismo desenfreado e com o feriado prolongado onde se pratica todo tipo de excesso.

Proponho que aqueles que se consideram discípulos de Jesus aproveitem, de fato, o momento para meditarem na importância do sacrifício de Jesus na cruz.
Dentre muitas, podemos observer pelo menos três grandes bençãos advindas da cruz de Cristo.


  1. A benção da nossa salvação.

    1. A bíblia nos diz que Deus prova seu amor para conosco, pois Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores.

    2. Deus estava em Cristo reconciliando consigo mesmo o mundo.

  2. A benção de nossa libertação espiritual.

    1. Em Cristo Jesus fomos libertos do poder do pecado, pois aquele que morre não pode mais pecar. E se cremos em Cristo cremos que morremos tembém para nossa natureza pecaminosa e nossa inclinação para o pecado. Através de Cristo, temos como vencer a nossa velha natureza.

    2. Em Cristo somos libertos do poder do mundo. Do sistema que se opõe a Deus.

    3. Em Cristo também somos libertos do poder do diabo. Cristo nos dá poder sobre os principados e potestades, pois Ele triunfou sobre eles na cruz.

  3. A benção de sermos discípulos de Jesus Cristo.

    1. A verdadeira marca do discípulo é a cruz e não a chamada “marca da promessa” que significa sucesso, fama ou a prosperidade financeira. O servo de Cristo é conhecido por andar como ele andou. Se ele carregou a cruz, assim também temos que fazê-lo.

    2. Carregar a cruz implica em viver uma vida de continua mortificação de nossa natureza pecaminosa, bem como uma caminhada de humildade na presença de Deus e dos homens.

Conclusão:

Grandes são as bençãos advindas da cruz de Cristo. Cabe a cada crente compreender a dimensão do amor de Deus revelado na morte de Jesus e viver para sua glória em todos os momentos de sua vida.


PERGUNTAS ABERTAS:




  1. Qual foi a primeira impressão que você teve quando ouviu a história de Jesus e sua morte na Cruz?

  2. Cristo nos libertou da morte espiritual nos dando a salvação. Nos libertou também do poder do pecado (velho homem), do mundo e do poder do diabo (acusador). Você tem experimentado essas verdades em sua vida diária? Comente.

  3. Na sua opinião o que significa tomar a sua cruz e seguir a Cristo?

  4. Você se considera um discípulo ou um seguidor de Jesus Cristo?

AVISOS


1 – Não teremos culto de doutrina na sexta-feira, dia 18/04.

2 – Culto normal no domindo, dia 20/04.

3 – Avise da importância as incrições para o EJC. Podem ser feitas até o próximo domingo.
3 – Prepare seu grupo para a festa do Cristo em Casa. No final de maio teremos uma grande festa em que todos os grupos se reunirão em um culto especial na igreja e o montarão, cada um, uma barraca temática.

O objetivo é atrair mais frequentadores para as reuniões.



Ainda estamos definindo o tema da festa, mas você já pode ir animando o seu grupo para participar.


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal