Título da Atividade: Linguagem Verbal, Não verbal e Mista



Baixar 22.96 Kb.
Encontro04.08.2016
Tamanho22.96 Kb.

Título da Atividade: Linguagem Verbal, Não verbal e Mista


Disciplina: Português

Segmento: Ensino Fundamental – Anos Iniciais



Professor(a)

O material desta seção pretende atender suas necessidades diárias e práticas da sala de aula.

Ao selecionar o material, considere o Projeto Pedagógico de sua escola.

Corte, recorte, monte, copie, cole... Enfim, adapte-o à sua realidade!

Desde muito cedo, estamos em contato com a linguagem. Afinal, precisamos dela para nos comunicar! Linguagem e Comunicação fazem um par perfeito! Com seus alunos, estabeleça essa relação para introduzir o tema.

Pense junto com eles:





  • Podemos distinguir três tipos de linguagem: Verbal (expressão pela escrita ou pela fala); Não verbal (expressão pelo gesto, símbolos, códigos, ícones etc) e a Mista (expressão simultânea das duas formas)

É muito importante que o professor das séries iniciais brinque com a criança a partir dessas várias linguagens e perceba como a criança compreende e usa cada uma delas. Quando a comunicação por gestos, fala e escrita se desenvolve de forma satisfatória, muito provavelmente a criança estará feliz, socializada e apta a aprender. Nos anos escolares mais avançados, essas habilidades adquiridas serão necessárias para o aprendizado da semântica e da sintaxe, principalmente.

É importante destacar que poucas crianças não conseguem compreender expressões gestuais e outros sinais de comunicação. Essas mesmas crianças, muitas vezes crescem e não compreendem charges, textos irônicos, metáforas e o texto conotativo. Caberá ao professor estimular as habilidades linguísticas e ficar atento para um problema mais sério: o Transtorno não verbal, um tipo de distúrbio pouco freqüente, mas que causa prejuízos para o progresso da criança na escola.

O distúrbio tem origem neurológica e provoca comprometimento psicomotor e visuoespacial, dificultando distinguir formas, quantidades, tamanhos e expressões faciais, entre outros. São pessoas pouco intuitivas, que precisam representar o mundo de forma explícita e verbal para melhor compreendê-lo.

Uma forma de estimulação em sala é provocar a criança a observar as expressões faciais e exercitar a interpretação de cenas sem textos. Quando mais velhas, pode-se incluir no planejamento, textos com piadas, crônicas, charges etc.

Propomos algumas atividades iniciais para as crianças já alfabetizadas, entre elas: a caracterização de personagens a partir de expressões faciais; a interpretação de cenas e de tirinhas com onomatopeia.





  1. Observe as opções da caixa e escolha a melhor:

assustado – triste – enjoado – feliz – com raiva - envergonhado







  1. Como você se sentiria em cada situação? Desenhe a sua carinha:




  1. Quando você ganha um presente:



  1. Quando está com fome:



  1. Quando brigam com você:



  1. Quando você não pode brincar:



  1. Quando está perdido em algum lugar:




  1. Indique com LV linguagem verbal, LNV para linguagem não verbal e LM para linguagem mista:


___________________

_________________________

_____________________


___________________



  1. Observe as cenas e responda:






  1. Em que estação do ano acontece esta cena?

  2. Como está o tempo neste lugar?

  3. Que lugar é este?

  4. O que as pessoas costumam fazer neste lugar?

  5. Quem pode frequentar este lugar?

  6. Por que o lugar está limpo?

  7. Quem está segurando um brinquedo?

  8. Quantas pessoas estão conversando?

  9. O que as pessoas podem fazer neste lugar?

  10. Invente uma história de acordo com a cena.





  1. Onde se passa a cena?

  2. Como está o tempo?

  3. Alguém está com pressa?

  4. Existem casas no local?

  5. Quem frequenta este lugar?

  6. Alguém está trabalhando?

  7. O que está sendo servido no restaurante?

  8. O que o homem gosta de ler no jornal?

  9. Como está o trânsito?

  10. Invente uma história para a cena.



  1. O que está acontecendo?




_____________________________________________________________

_____________________________________________________________



_________________________________________________________________















Brinque em sala com o jogo Cara a Cara. Divida a turma em pequenos grupos, combine o jogo por um tempo. Depois, explore as carinhas e suas características.


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal