Universidade Federal do Paraná Setor de Ciências Humanas, Letras e Artes Departamento de Letras Estrangeiras Modernas Curso de Letras Cultura e Ensino de Língua Estrangeira Moderna na Escola Profa Mariza Riva de Almeida



Baixar 18.59 Kb.
Encontro30.07.2016
Tamanho18.59 Kb.




Universidade Federal do Paraná

Setor de Ciências Humanas, Letras e Artes

Departamento de Letras Estrangeiras Modernas

Curso de Letras

Cultura e Ensino de Língua Estrangeira Moderna na Escola

Profa Mariza Riva de Almeida


MATERIAIS INTERCULTURAIS


ALUNO: Saionara Coutinho

MATERIAL

Nome da música

DEBAIXO DOS CARACÓIS DOS SEUS CABELOS




Autor

Roberto Carlos e Erasmo Carlos

Cantor

Caetano Veloso

PÚBLICO ALVO

Alunos de: (idioma)

Língua Portuguesa

Nível:

Alunos estrangeiros de diferentes nacionalidades a partir do nível intermediário.

OBJETIVOS




Tratar da Ditadura Militar no Brasil e da enorme repressão sofrida em todas as instâncias da sociedade, realçando, sobretudo seus impactos na vida cultural do país. O objetivo maior é tratar de um momento histórico brasileiro, levando os alunos a pensarem sobre a história dos seus próprios países.

ATIVIDADES PROPOSTAS

Antes:

Falar sobre a Ditadura Militar no Brasil e perguntar aos alunos se em seus países houve um regime igual, ou pelo menos nos moldes do que houve aqui no Brasil.

Durante:

Pedir aos alunos que prestem bastante atenção nas “coisas” das quais o exilado sente, ou poderia sentir, falta. Que tipo de coisas são valorizadas na música?

Depois:

Pedir para que os alunos conversem uns com os outros sobre o assunto, reunindo o maior número possível de detalhes sobre o momento histórico passado em seus países. Aproveitar o fato de eles estarem longe de casa, longe do país, de sua cidade natal e perguntar a que tipo de coisas costumamos dar valor quando não as temos à nossa disposição, ao nosso alcance.

LETRA DA MÚSICA

Caetano Veloso - Debaixo dos Caracóis dos Seus Cabelos
Roberto Carlos / Erasmo Carlos
Um dia a areia branca

Seus pés irão tocar

E vai molhar seus cabelos

A água azul do mar

Janelas e portas vão se abrir

Pra ver você chegar

E ao se sentir em casa

Sorrindo vai chorar


Estribilho:

Debaixo dos caracóis dos seus cabelos

Uma história pra contar

De um mundo tão distante

Debaixo dos caracóis dos seus cabelos

Um soluço e a vontade

De ficar mais um instante
As luzes e o colorido

Que você vê agora

Nas ruas por onde anda

Na casa onde mora

Você olha tudo e nada

Lhe faz ficar contente

Você só deseja agora

Voltar pra sua gente


Introdução
Estribilho

Você anda pela tarde

E o seu olhar tristonho

Deixa sangrar no peito

Uma saudade um sonho

Um dia vou ver você

Chegando num sorriso

Pisando a areia branca



Que é seu paraíso
>> Estribilho


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal