Universidade Federal do Paraná Setor de Educação Disciplina: pibid discentes



Baixar 45.87 Kb.
Encontro31.07.2016
Tamanho45.87 Kb.



Universidade Federal do Paraná

Setor de Educação

Disciplina: PIBID

Discentes: Lídia Roggenbaum

Lorena dos Santos





TEMA: O livro de figuras geométricas: Os Dilemas de Clact...
JUSTIFICATIVA:

Sendo a Educação Infantil a primeira fase de desenvolvimento escolar da criança, deve ser planejada com seriedade, dessa forma precisamos pensar em atividades que proporcionem às crianças momentos ricos de aprendizagem de forma lúdica, descontraída e de interação.

Planejar para a Educação Infantil não é tão simples. Considerada como etapa que requer cuidado e respeito ao desenvolvimento infantil, atentamos para não tornar as atividades momentos massantes e insignificantes. Recorremos aos momentos lúdicos de cunho pedagógico e, para nos orientarmos na construção de momentos significativos, recorremos ao Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil. Sobre o conhecimento matemático encontramos:
As noções matemáticas (contagem, relações quantitativas e espaciais etc.) são construídas pelas crianças a partir das experiências proporcionadas pelas interações com o meio, pelo intercâmbio com outras pessoas que possuem interesses, conhecimentos e necessidades que podem ser compartilhados. As crianças têm e podem ter várias experiências com o universo matemático e outros que lhes permitem fazer descobertas, tecer relações, organizar o pensamento, o raciocínio lógico, situar-se e localizar-se espacialmente. (RCNEI, 1998, p.213).

No projeto, buscamos contribuir para a construção do conhecimento matemático das crianças através de atividades de classificação, identificação e diferenciação de figuras geométricas encontradas em nosso cotidiano de forma descontraída na construção de um livro de história infantil, elaborado e confeccionado pelas próprias crianças. Como relata SMOLE “A linguagem geométrica, que diz respeito a nomes de formas e termos geométricos mais específicos, desenvolve-se e é assimilada na ação”(1996, p.108) assim, entendemos que o conhecimento geométrico vai sendo desenvolvido e aprimorado durante as atividades.



OBJETIVO GERAL:

  • Promover a construção de noções relativas às figuras geométricas em situações próprias ao universo infantil.


OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

  • A partir das atividades propostas busca-se promover:

-o estabelecimento de semelhanças e diferenças entre figuras geométricas;

- a identificação e descrição das características das figuras geométricas;

- o reconhecimento e denominação de algumas figuras geométricas utilizando vocabulário específico;

- a percepção das figuras geométricas em nosso ambiente cotidiano.


CONTEÚDOS MATEMÁTICOS:

Será trabalhado as figuras geométricas mas considerando que a matemática não se trabalha por conteúdos isolados será também trabalhado a contagem, escritas numéricas, ordem, classificação e mosaicos .


ABORDAGEM METODOLÓGICA:

Com a utilização do livro Clact...Clact...Clact.. das escritoras Liliana e Michele Iacocca- Abril. São Paulo: 2009 desenvolver uma roda didática, tendo o livro como motivação inicial. Desta maneira, explorar os conhecimentos prévios das crianças sobre o tema em questão. Em seguida propor as crianças a construção de um livro da turma sobre figuras geométricas.

O trabalho deverá ser desenvolvido de forma coletiva e individual durante a confecção do livro. Durante o desenvolvimento do projeto, busca promover a utilização de materiais diversos, sempre visando ampliar as experiências e os conhecimentos da turma.
DESENVOLVIMENTO:

O projeto será desenvolvido no Centro Municipal de Educação Infantil Nice Braga, com a turma de Pré na faixa etária de 4 a 5 anos, com um encontro por semana no total de 4 dias e com duração de 60 minutos cada atividade, com o acompanhamento das professoras regentes da turma.


PLANO DE AULA

Tema: As figuras geométricas do livro Clact... Clact...Clact...

Objetivos:


  • Promover o reconhecimento de diferentes figuras geométricas;

  • Promover a identificação das figuras geométricas apresentadas na história e coletadas no pátio externo.

Desenvolvimento:

1) Com as crianças reunidas no tapete, sentadas em círculo, apresentar o livro Clact...Clact...Cact.. Questionar as crianças:



  • Quem conhece essa história?

  • Do que será que ela vai contar?

  • Olhem a capa com o que se parece?

  • Vocês já viram algo parecido? O que?

  • Então vamos descobrir do que trata esse livro.

2) Realizar a contação da história.

Um dia uma tesoura encontrou um monte de papel picado.

– Que horror! – ela penso. -- Eu nunca teria feito um serviço tão mal feito.

Mas o papel já estava picado e não tinha mais jeito de fazer isso outra vez.

Foi então que a tesoura achou que pelo menos podia pôr ordem naquilo, porque os pedaços de papel eram de várias cores e todas as cores estavam misturadas.
Clact...Clact...Clact... os amarelos todos do lado esquerdo! – falou a tesoura.

E os pedacinhos amarelos foram para o lado esquerdo.

Clact...Clact...Clact... os azuis para o lado direito!

E os azuis foram para o lado direito.

Clact...Clact...Clact... os vermelhos fiquem no meio!

E os vermelhos ficaram no meio.

E assim um pouco mais pra cá e um mais pra lá, a tesoura separou os verdes, os pretos e os alaranjados.

Ela olhou e não se deu por satisfeita.

Clact...Clact...Clact... quero que os amarelos formem um círculo!

E os amarelos formaram o círculo.

Clact... parece uma abóbora! – falou a tesoura e não se deu por satisfeita.

Clact...Clact...Clact... quero que os azuis formem um quadrado!

E os azuis formaram um quadrado.

Clact... que coisa horrorosa! – falou a tesoura e não se deu por satisfeita.

Clact...Clact...Clact... quero que os vermelhos formem um triângulo!

E os vermelhos formaram um triÊngulo.

Clact... se isto é um triângulo, eu sou um serrote! – falou a tesoura e não se deu por satisfeita.

E assim se deu com todas as outras cores. E a tesoura nunca se dava por satisfeita.

E ela foi ficando nervosa, cada vez mais nervosa.

Clact...Clact...Clact...Clact...Clact...Clact...

Até que um Clact saiu errado e virou um tremendo de um espirro: Clactchimmmmmmmmmmmmmmmmmm!

E todos os papéis voaram, e a tesoura se viu presa num labirinto de papéis coloridos.



IACOCCA, Liliana e Michele. Clact...Clact...Clact.. São Paulo: Abril, 2009.
4) Ao término questionar novamente as crianças:

  • Quem gostou da história?

  • Sobre o que ela contava?

  • O que de mais interessante aconteceu na história?

  • Ela apresentava figuras geométricas? Quais?

5) Dizer para as crianças: -Assim como o autor nós podemos escrever e confeccionar nosso livro, para isso seremos as “tesourinhas” que vão em busca de algumas aventuras. Porém precisamos encontrar as figuras geométricas na qual a personagem da tesoura Clact da história espirrou e espalhou pelo pátio externo várias figuras geométricas.

* (Previamente organizar com diversas figuras geométricas em material de E.V.A espalhadas pelo pátio externo.

* Formas geométricas confeccionadas em E.V.A para as atividades:

Exemplo:



6) Dividir as crianças em quatro equipes e orientá-las que deverão juntar todas as figuras geométricas que encontrarem e guardá-las na sacolinha em TNT identificadas de acordo com cada equipe.

7) Ao término da atividade de juntar as figuras geométricas, retornar para a sala e com uma equipe por vez realizar a contagem das figuras coletadas pelas equipes, registrando em um cartaz o nome da equipe e a quantidade de figuras por ela coletada.

Exemplo:



EQUIPE

QUANTIDADE DE FIGURAS












8) Em folha sulfite propor para as crianças que realizem um desenho relativo à atividade realizada no pátio.

-As figuras geométricas de E.V.A serão guardadas nas sacolinhas de acordo com cada equipe.

Recursos:

Livro de história: Clact...Clact...Clact..., pátio externo, figuras geométricas em E.V.A, cartolina, folha sulfite e lápis de cor.
2 °PLANO DE AULA

Tema: Classificação das figuras geométricas.

Objetivos:


  • Possibilitar situações em que os alunos classifiquem figuras geométricas por tamanho, cor e número de lados e percebam as diferenças e semelhanças entre elas.

Desenvolvimento:

1) Em coletivo retomar a história Clact...Clact...Clact.. e relembrar qual foi a atividade realizada no encontro anterior. Utilizar o cartaz confeccionado com a quantidade de figuras geométricas que cada equipe conseguiu encontrar.

2) Organizar as crianças em círculo no tapete e distribuir as figuras geométricas de E.V.A que foram guardadas nas sacolinhas.

3) Questionar as crianças: - De que forma podemos organizar as figuras?

- Relembrar a tesourinha Clact do livro que tentava organizar todos os papéis picados. Dizer que agora é nossa vez de organizar as figuras.

4) Explorar as sugestões das crianças de como separar as figuras. Salientar que é preciso separar as figuras parecidas.

5) Em cada proposta das crianças, solicitar que façam a separação. Depois questionar se há possibilidade de separar de um jeito diferente e solicitar que o façam. Ao realizar a separação de acordo com as ideias das crianças, espera-se que as crianças percebam que é possível separar por cor, tamanho, peças parecidas, peças com o mesmo número de lados.

6) Após as atividades de separação, propor separar as peças por figura geométrica e registrar no cartaz de acordo com a figura a quantidade de lados e a quantidade de peças de cada tipo.

Exemplo:


FIGURA

NOME

NÚMERO DE LADOS

QUANTIDADE DE FIGURAS







QUADRADO

4

20












7) Com o término do registro questionar as crianças:



  • Tendo o mesmo número de lados as peças são iguais?

  • Quais figuras têm quatro lados?

  • Qual a figura geométrica que temos em maior quantidade? E menor?

Recursos:

Figuras geométricas em E.V.A, cartolina, cola e canetinha.


3° PLANO DE AULA

Tema: Construção e representação de imagens com figuras geométricas.

Objetivos:


  • Proporcionar o reconhecimento das formas geométricas no ambiente cotidiano.

  • Promover a representação de imagens próprias utilizando figuras geométricas

Desenvolvimento:

1) Organizar as crianças nas mesas e distribuir figuras geométricas de E.V.A para as crianças.

2) Pedir que, utilizando as figuras geométricas de E.V.A, representem o seu brinquedo favorito e que deixem sua montagem ao lado. Em seguida, distribuir folha sulfite e lápis de cor para cada criança, e orientar que desenhem o brinquedo que representaram com as figuras. A professora em seguida passará em cada desenho escrevendo ao lado o nome do brinquedo que cada criança desenhou.

3) Com as crianças sentadas em círculo no tapete, relembrá-las sobre a história da tesoura Clact...Clact...Clact... que espirrou e espalhou as figuras geométricas pelo CMEI, que tínhamos a missão de encontrá-las, que conhecemos algumas figuras e inventamos imagens com as mesmas.

4) Propor: -Agora chegou à hora de inventarmos uma nova história com as figuras geométricas que encontramos. Vamos colocar na nossa história os desenhos dos brinquedos que fizemos. Eles serão os personagens de nossa história junto com a tesourinha Clact...

5) Realizar a atividade de construção de uma história coletiva, onde a professora mostra as primeiras páginas do livro já confeccionado e em seguida mostra os desenhos que as crianças fizeram na atividade anterior. Em conversa ir anotando a história por elas criada em um cartaz de papel bobina.

6) Ao final ler para as crianças como ficou a história.

Recursos:

Figuras geométricas em E.V.A, papel sulfite, lápis de cor, os desenhos das crianças e papel bobina.
4° PLANO DE AULA

Tema: Confecção do livro.

Objetivos:


  • Proporcionar a identificação das figuras geométricas presentes no livro de história.

Desenvolvimento:

1) Retomar o cartaz com a história criada pelas crianças, lendo a mesma para elas.

2) Apresentar para as crianças as páginas do livro a ser confeccionado, já organizadas em folha A3, e com as partes da história criada por eles transcritas. Ler o que está escrito em cada página e solicitar que colem os respectivos desenhos.

3) Ao término organizar a turma em círculo no tapete e realizar a contação do livro confeccionado.

Recursos:Folha A3 180m/g, desenhos confeccionados pelas próprias crianças.

RECURSOS:

Para o desenvolvimento do projeto utilizaremos o livro Clac...Clact...Clact... como introdução das atividades práticas assim precisaremos também de alguns materiais alternativos como figuras geométricas em E.V.A, papéis coloridos, cartolinas, folha A3 180g/m, diferentes riscantes como: giz de cera, lápis de cor, canetinhas, lápis de escrever.

Utilizaremos o espaço da sala de referência e também o pátio externo.
AVALIAÇÃO:

A avaliação será relembrar a atividade de confecção do livro das figuras geométricas e questionar as crianças:



  • O que acharam das atividades desenvolvidas?

  • Qual foi a atividade mais interessante?

Assim ao término será observado e registrado a partir dos relatos das crianças, em forma de textos e gravações
REFERÊNCIAS:
BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília: MEC/SEF, 1998.

IACOCCA, Liliana e Michele. Clact...Clact...Clact..São Paulo, Abril, 2009.

SMOLE, Kátia Cristina Stocco. A matemática na educação infantil: a teoria das inteligências múltiplas na prática escolar. Porto Alegre, Artes Médicas, 1996.


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal