Universidade federal do rio de janeiro ufrj



Baixar 109.48 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho109.48 Kb.




UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO - UFRJ

CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS - CFCH

INSTITUTO DE HISTÓRIA - IH

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA COMPARADA





EDITAL UFRJ/PPGHC DOUTORADO nº 04/2011. PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA COMPARADA (PPGHC/IH/UFRJ) PARA 2012.
1. PREÂMBULO

1.1 A Comissão Deliberativa do Programa de Pós-graduação em História Comparada do IFCS da UFRJ, no uso de sua atribuição fixada no artigo 7° da Regulamentação Geral da Pós-graduação STRICTO SENSU DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO (Anexo à RESOLUÇÃO CEPG N° 1 de dezembro de 2006) e artigo 12°, inciso I, da Regulamentação das Comissões de Pós-graduação e Pesquisa da Pós-graduação STRICTO SENSU e das Comissões Deliberativas dos Programas de Pós-graduação da UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO (Anexo à RESOLUÇÃO CEPG N° 2 de dezembro de 2006), torna público aos interessados que estarão abertas, na Secretaria de Pós-graduação desta UNIDADE ACADÊMICA, no período de 01 de setembro a 14 de outubro de 2011, das 10h às 12h e das 13h às 16h as inscrições para o processo seletivo de ingresso no Programa de Pós-graduação em História Comparada, para o ano de 2012, no nível de Doutorado.


1.2 O edital foi aprovado pela Comissão Deliberativa do Programa de Pós-graduação na 14ª. Reunião Extraordinária realizada em 27/07/2011
1.3 Informações sobre o Programa podem ser obtidas na página eletrônica www.historia.ufrj.br ou na Secretaria do Programa (Largo de São Francisco de Paula nº 1, sala 311 – Centro – Rio de Janeiro – RJ – Brasil – CEP 200051-070).
2. DO NÚMERO DE VAGAS

2.1 O número de vagas oferecidas por professor consta do Anexo 2:

2.1.1 – Doutorado: 27 (vinte e sete)
3. DA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO

3.1 Poderão se inscrever para o processo seletivo de ingresso no Curso de Doutorado do Programa de Pós-graduação em História Comparada da UFRJ, para o Primeiro Período Letivo de 2012, portadores de diploma de Graduação reconhecido pelo MEC e registrado na forma da lei. (Ver Regimento do PPGHC)


3.2 As inscrições deverão ser efetuadas pessoalmente pelo interessado ou por procurador devidamente constituído, desde que com reconhecimento da firma do (a) outorgante em cartório, nos dias úteis do período de 1º. de setembro a 14 de outubro de 2011, das 10h às 12h e das 13h às 16h, no seguinte endereço: UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO, Secretaria de Pós-graduação de História Comparada, Largo de São Francisco de Paula nº 1, sala 311 – Centro – Rio de Janeiro – RJ – Brasil – CEP 200051-070.
3.3 As inscrições poderão ser efetuadas por via postal (cópias autenticadas dos documentos exigidos), sendo recomendada a utilização de serviço de entrega rápida, com apresentação da data da postagem não posterior ao último dia de inscrição, exclusivamente para o endereço:


Programa de Pós-Graduação em História Comparada (PPGHC)

Seleção de Admissão ao Doutorado

Instituto de História (IH) / UFRJ

Largo de São Francisco de Paula nº. 01 – Centro

Secretaria do PPGHC – 3º. andar, sala 311

Rio de Janeiro – RJ – CEP 20051-070



3.4 Para a inscrição no processo seletivo serão exigidos os seguintes documentos:
3.4.1 Ficha de inscrição no processo seletivo (duas vias), em formulário próprio, disponível no endereço indicado no item 3.3 e nos sítios eletrônicos do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais (http://www.ifcs.ufrj.br) ou do Programa de Pós-graduação em História Comparada (http://www.historia.ufrj.br e http://www.hcomparada.ifcs.ufrj.br). Anexo 4.

Obs.: Não serão consideradas para homologação inscrições com rasuras nas fichas, preenchidas de forma errada, incompleta ou ilegível, nem se responsabilizará por erros em inscrições feitas por procuração ou enviadas pela caixa postal que apresentem os vícios apontados.


3.4.2 02 (duas) fotos 3x4, iguais e recentes.
3.4.3 Cópia e original da Carteira de identidade e do CPF para as inscrições feitas na Secretaria do PPGHC ou cópia autenticada para as inscrições feitas por via postal.
3.4.4 Cópia e original do Diploma de Graduação, expedido por instituição reconhecida pelo Ministério da Educação - MEC e registrado na forma da lei para as inscrições feitas na Secretaria do PPGHC ou cópia autenticada para as inscrições feitas por via postal.
3.4.5 Currículo Lattes, disponível para preenchimento no endereço (http://lattes.cnpq.br), em versão impressa, Deverão ser anexados comprovantes da produção intelectual listada no currículo (últimos 5 anos).
3.4.6 Projeto de Pesquisa, em cinco vias, no qual constem, na folha de rosto, identificação do candidato, título do projeto e orientadores pretendidos apresentados no Anexo 2. O projeto deverá ter obrigatoriamente a seguinte estruturação: 1) Apresentação do objeto e da problemática levantada sobre o mesmo; 2) Discussão do referencial historiográfico ou bibliográfico básico para a construção do objeto ou da sua problemática; 3) Apresentação do Corpus Documental; 4) Quadro teórico; 5) Metodologia; 6) Hipótese(s); 7) Justificativa da originalidade do projeto; 8) Bibliografia básica; 9) Explicitação da relação do pré-projeto de pesquisa com abordagem comparativa e da Linha de Pesquisa de cada orientador pretendido (no máximo dois) . Os Projetos deverão observar a seguinte formatação: regras da ABNT para apresentação, limite máximo de 25 páginas, fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento 1,5, com margem esquerda 3,0 e as outras 2,0.


    1. No ato de inscrição, o candidato receberá o comprovante de inscrição que deverá ser apresentado, em todas as etapas do processo seletivo, juntamente com a carteira de identidade.


Obs.: Os inscritos por correspondência poderão apresentar documento comprobatório do encaminhamento postal e deverão apresentar carteira de identidade, assim como com a homologação da sua inscrição impressa, referida neste item 3.5, em todas as etapas do processo seletivo.


      1. Serão homologadas pela Comissão de Seleção as inscrições dos candidatos que apresentarem a documentação exigida dentro do prazo e que tenham sido analisados e aprovados previamente por escrito, mediante parecer circunstanciado pelo(s) orientador (es) pretendido(s). O resultado do processo de homologação será divulgado na Secretaria do PPGHC, no dia 19 de novembro de 2011, a partir das 16h.



4. DO PROCESSO SELETIVO
4.1 As datas e horários para a realização do processo seletivo encontram-se previstos no Anexo 1.
4.2 A seleção dos candidatos será feita com base no mérito, consoante procedimentos e responsabilidades fixadas no regulamento do Programa de Pós-graduação de História Comparada, explicitados nesse edital de seleção.
4.3 O processo de seleção compreenderá as seguintes etapas, todas eliminatórias:
4.3.1 Avaliação de idioma estrangeiro (inglês, francês, italiano, espanhol ou alemão), sendo permitido o uso de dicionário bilíngue, consistindo em prova escrita de compreensão de texto acadêmico em duas línguas a serem escolhidas pelo candidato entre as indicadas, no ato da inscrição. Tal etapa terá a duração de 2 (duas) horas para cada língua estrangeira.
4.2.3 Avaliação oral: Tal etapa compreenderá a argüição do candidato pela Comissão de Seleção conforme os critérios a serem definidos no subitem 5.2.
4.3.3 Avaliação de currículo com documentação comprobatória e projeto.
5. DOS CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
5.1 Avaliação de idioma estrangeiro: Esta etapa é eliminatória. O candidato será considerado aprovado ou reprovado, uma vez avaliado quanto à capacidade de elaboração de respostas em língua portuguesa com coesão e coerência, que demonstrem sua compreensão cabal do conteúdo do texto.
5.1.1. O candidato ao doutorado que concluiu o mestrado na UFRJ ou em outros Programas de Pós-graduação, reconhecidos pelo MEC à época da obtenção do título, poderá aproveitar a proficiência nele realizada, desde que tenha sido num dos idiomas estrangeiros adotados neste Edital, devendo solicitar seu aproveitamento (mediante indicação da opção feita no formulário de inscrição disponível na Secretaria de Pós-graduação) e fazer a devida comprovação, entregando cópia autenticada da mesma no ato da inscrição no processo seletivo.
5.1.2 A liberação de outro idioma estrangeiro será concedida com apresentação de certificados expedidos por consulados e exames de proficiência de idioma estrangeiro internacionalmente reconhecidos, como Toefl, Alliance Française, Goethe-Institut, Instituto Miguel de Cervantes, Instituto Cultural Hispânico e demais certificados equivalentes emitidos nos últimos 3 anos.
5.2. Avaliação oral: Exame de caráter público. Etapa eliminatória e classificatória, sendo o grau mínimo de aprovação 7,0 (sete). Consistirá na avaliação da capacidade do candidato para responder de forma satisfatória às perguntas sobre o seu Curriculum Lattes, assim como discutir academicamente, aprofundar o conteúdo e apresentar a viabilidade para a execução do seu projeto de tese de Doutoramento.
5.3. Avaliação do currículo comprovado: Etapa classificatória, sendo o grau mínimo de aprovação 7.0 (sete). A pontuação obedecerá aos itens presentes no Anexo 3.
6. RESULTADO E CLASSIFICAÇÃO FINAL
6.1 O grau final de cada candidato será a média aritmética das notas auferidas na Avaliação oral e na Avaliação do currículo comprovado.
6.2 O resultado final obedecerá à ordem de classificação.
6.3 Será considerado aprovado o candidato que alcançar o grau mínimo de 7,0 (sete) em cada uma das etapas.
6.4 Será selecionado o candidato que, pela ordem de classificação, preencher o número de vagas ofertadas pelo PPGHC (subitem 5.2.1), respeitando o número oferecido pelos os orientadores (Anexo 2).
6.5 Caso ocorra desistência de candidato selecionado, será convocado a ocupar a vaga remanescente outro candidato aprovado, sendo respeitada a ordem de classificação.
6.6 No caso de empate, o critério de desempate obedecerá à seguinte ordem:
I) Maior grau obtido na avaliação de projeto;

II) Maior grau obtido na avaliação do curriculum;

III) Maior idade.
6.7 A divulgação dos resultados de todas as etapas serão fixadas na Secretaria de Pós-graduação do Programa e apresentada nos endereços eletrônicos ao final do processo de seleção: http://www.hcomparada.ifcs.ufrj.br, http://www.ifcs.ufrj.br e http://www.historia.ufrj.br;
6.8 A lista dos candidatos aprovados em cada etapa do processo seletivo será divulgada por ordem alfabética.
7. DISPOSIÇÕES GERAIS
7.1 O candidato portador de necessidade especial deverá entrar em contato com a Secretaria do Programa de Pós-graduação para que possa ser providenciada a indispensável adaptação.
7.2 Ao Programa de Pós-graduação de História Comparada reserva-se o direito de não preencher todas as vagas oferecidas neste Edital.
7.3 Não haverá segunda chamada.
7.4. Recursos devem ser encaminhados, por escrito, à Secretaria do PPGHC até 24h após a liberação de cada resultado.
7.5. Os candidatos selecionados deverão realizar a matrícula nos prazos fixados pela Comissão Deliberativa e divulgados pela Secretaria de Pós-graduação. As matrículas serão isentas de taxas.
7.6. Não haverá matrícula condicional.
7.7. Ao se inscrever no processo seletivo, o candidato reconhece e aceita as normas estabelecidas neste edital e no Regulamento do Programa de Pós-graduação em História Comparada (PPGHC).
7.8 Os casos omissos neste Edital serão resolvidos pela COMISSÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA – CPGP do INSTITUTO DE HISTÓRIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO.
7.9 Da composição da Comissão de Seleção:
. Prof. Dra. Regina Maria da Cunha Bustamante (Presidente)

. Prof. Dr. José d’Assunção de Barros

. Prof. Dra. Sabrina Evangelista Medeiros

. Prof. Dr. Francisco Carlos Teixeira da Silva (suplente)

. Prof. Dra. Gracilda Alves (suplente)

Rio de Janeiro, 26 de agosto de 2011.


Publique-se.
ANEXO 1

Cronograma
01/09 a 14/10 – Inscrições das 10h às 12h e das 13h às 16h, no seguinte endereço: UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO, Secretaria de Pós-graduação de História Comparada, Largo de São Francisco de Paula nº 1, sala 311 – Centro – Rio de Janeiro – RJ – Brasil – CEP 200051-070.
25/10 a 16/11 – Análise dos projetos com parecer detalhado, circunstanciado e hierarquizado dos candidatos por escrito dos professores orientador (es) escolhido(s) entregue à Secretaria de Pós-graduação para a Comissão de Seleção possa realizar o processo de homologação.
18/11 – Homologação.
21/11 – Divulgação da homologação a partir das 16:00 horas
24/11 – Prova de língua estrangeira (eliminatória) em dois horários. Primeira língua escolhida das 09h às 12h; segunda língua escolhida das 13h às 16h. Obs.: O candidato que realizar prova de apenas uma língua deverá fazê-la no primeiro horário.
28/11 – Divulgação, às 16h, do resultado da prova de língua estrangeira. Divulgação dos horários das entrevistas com os candidatos.
29/11 a 01/12 – Entrevistas com os candidatos.
06/12 – Resultado das entrevistas.
09/12 – Divulgação da classificação final às 16h.

ANEXO 2: DOCENTES E SUAS ÁREAS DE ORIENTAÇÃO


LINHA DE PESQUISA: PODER E INSTITUIÇÕES




Professor

Área de Orientação


Vagas disponíveis

Alcino Câmara

Desenvolvimento econômico no Brasil, o papel do Estado e das elites políticas no processo de modernização econômica e industrial do país, com ênfase no século XX

1

Alexander Zhebit

História de Relações Internacionais; Política Internacional Comparada; Estudos da Ordem Internacional; Políticas Externas de Países Estrangeiros

2

Anita Leocádia Prestes

História do PCB: Tenentismo (anos 20 e 30), Anos 20 a 50 no Brasil: sociedade e política, Revolução de 30, Movimento operário no Brasil e anarquismo no Brasil, Processos de formação do poder político; Processos de resistência política; Estratégias de poder

0

Cristina Buarque de Hollanda

Teoria Política, Pensamento Político Brasileiro, Direitos Humanos e transições políticas

2

Flávio dos Santos Gomes

Escravidão, Campesinato, Pós-emancipação e Fronteiras

3

Francisco Carlos Teixeira da Silva

História das Instituições, História Militar e Relações Internacionais

1

Gracilda Alves


História das Instituições, Cristianismo Medieval, Historia de Portugal, Poder Régio, Império Bizantino, Heresias Medievais, Poder senhorial e Concelhio.

1

João Manuel Casquinha Malaia Santos

Historia do Esporte (Praticas Corporais Institucionalizadas) e do Lazer

1

Leila Rodrigues da Silva


Produção intelectual eclesiástica nos reinos germânicos; Relações de poder nos reinos germânicos;  Religião e religiosidade na Alta Idade Média.

1

Norma Musco Mendes

Estudo das questões relacionadas com a experiência imperialista romana e o amplo dinamismo de sua expansão, manutenção, reprodução e colapso. Priorizamos as questões que envolvam a conexão entre poder e cultura.

2

Sabrina Evangelista Medeiros

Relações internacionais e cooperação; Fluxos Internacionais; Regimes e Tratados Internacionais; Solução de Controvérsias internacionais

1

Sidnei Munhoz

História das relações internacionais contemporâneas, História do Tempo Presente, Guerra Fria e Pós-Guerra Fria, Política externa estadunidense durante a Guerra Fria e no Pós-Guerra Fria, Comunismo e anti-comunismo no contexto da Guerra Fria, Relações entre o Brasil e os EUA no contexto da Guerra Fria no Pós-Guerra Fria

2

Victor Andrade de Melo

Historia do Esporte e das práticas corporais institucionalizadas. História das práticas de lazer.

1

Wagner Pinheiro Pereira

História da América Contemporânea (EUA, América Latina e estudos comparados com o Brasil - Sécs. XX-XXI): democracia americana e discursos pró e anti EUA, imperialismo dos EUA na América Latina, regimes políticos de massas, processos revolucionários, ditaduras militares, redemocratizações e terrorismo;

História da Europa Contemporânea (Sécs. XX-XXI): fascismos, comunismos, guerras civis/mundiais e Holocausto;

História e Audiovisual (Cinema, Televisão e Música - Sécs. XX-XXI): políticas de comunicação, indústria cultural, cultura midiática e sociedade do espetáculo;

História das Relações Internacionais (Sécs. XX-XXI): circulação de idéias, imagens e discursos políticos nas práticas diplomáticas das Américas e da Europa.




1



LINHA DE PESQUISA: PODER E DISCURSO




Professor

Área de orientação

Vagas disponíveis

Álvaro Alfredo Bragança Junior

História e Literatura como práticas narrativas sobre o medievo; Cultura, poder e saber no mundo germânico medieval; Apropriações contemporâneas do medievo; Cristianismo e práticas de religiosidade germânica na Idade Média.

1

André Leonardo Chevitarese

Religiões Monoteístas e Polissemias Antigas Mediterrânicas: judaísmos, cristianismos e a fluidez religiosa das fronteiras imperiais romanas

4

Andréia Cristina Lopes Frazão da Silva

Penínsulas Ibérica e Itálica nos séculos XI ao XIII : a Igreja Papal, a produção hagiográfica, a espiritualidade leiga, religião e religiosidades, discursos de gênero, o saber e os centros de produção intelectual.

2

Bruno Sciberras de Carvalho

Nações e Nacionalismos; Identidades e Discursos Políticos;

Movimentos Sociais; Ideologia e Utopias Políticas; História do Pensamento e dos Conceitos.



1

Clara Raíssa Góes

Da realidade do fato à realidade do significante: um estudo comparativo entre a construção da realidade na história e na psicanálise

2

Cláudia Andréa Prata Ferreira

História e Literatura; Construção da Realidade Histórica e sua Representação Literária; Estudos Literários e Históricos aplicados aos Estudos Bíblicos (Cânone Judaico Bíblico); Antiguidade Judaica; Cristianismo Antigo; Judaísmo e exegese bíblica no Período Medieval, Estudos Judaicos; Religião e Religiosidade. A concepção de “Livro Sagrado” ou “Livro Religioso”. Abordagem sobre a concepção do livro sagrado e / ou livro religioso nas religiões.

2

Fábio de Souza Lessa

Sociedade e Cultura na Grécia Antiga; Relações de Gênero; Práticas Corporais no Mundo Antigo grego; Historiografia antiga; Mito e Religião grega.

2

Ivo José de Aquino Coser

Instituições Políticas brasileiras, Instituições Políticas Comparadas, Pensamento Político brasileiro, Teoria Política Contemporânea, Pensamento Político Iberoamericano.

2


José Costa D’Assunção Barros

Teoria e Metodologia da História; Historiografia; História da Arte; História da Música; História da Literatura; Cinema-História; Diferenças e Desigualdades Sociais

3

Maria Regina Candido

Formas de representação discursiva textual e imagética relativa a Religião, Mito e Magia na Antiguidade clássica e helenística.

2

Miridan Britto Knox Falci

Escravidão no Brasil. Estudos de Gênero. Estudos da Vida Privada; Diferenças e Desigualdades Sociais. Estudos de Demografia Histórica (mortalidade e doenças das populações do passado, batismo e natalidade, casamentos)

2

Regina Maria da Cunha Bustamante

História Antiga Romana; Sociedade e Cultura na Roma Antiga; Processo de Construção de Identidades e Alteridades na Antigüidade Romana; Representações Imagéticas; Memória, Patrimônio e Cultural Material; Educação Patrimonial.

1

Silvio de Almeida Carvalho Filho

História da África, Identidades, Diferenças e Desigualdades Sociais;  Diferenciações de Gênero, de Classe, Raciais, Étnicas e Nacionais; Mestiçagens e Hibridismos; Intelectuais, História e  Biografia, História e Literatura.

2


ANEXO 3
PONTUAÇÃO DA ANÁLISE DO CURRÍCULO


  1. Produção Bibliográfica (Valor Máximo 3.5)

ITENS A SEREM PONTUADOS

VALOR POR CADA ITEM APRESENTADO

VALOR MÁXIMO A SER ALCANÇADO

Publicação de livros

0.5 por livro

1.5

Publicação de capítulos

0.3 por capítulo

1.0

Organização de Coletâneas

0.3 por coletânea

1.0

Publicação de artigo em periódicos internacionais

0.5 por artigo

1.5

Publicação de artigo em periódicos nacionais

0.3 por artigo

1.5

Trabalhos completos em Anais

0.2

1.0

Outros (resenhas, traduções...)

0.2

1.0




  1. PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS (Valor Máximo 2.5)

ITENS A SEREM PONTUADOS

VALOR POR CADA ITEM APRESENTADO

VALOR MÁXIMO A SER ALCANÇADO

Conferências e Palestras

0.5

1.0

Mesa redonda

0.3

1.0

Comunicações

0.3

1.0




  1. EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL (Valor Máximo 2.0)

ITENS A SEREM PONTUADOS

VALOR POR CADA ITEM APRESENTADO

VALOR MÁXIMO A SER ALCANÇADO

Experiência Docência Superior

0.3 por cada ano

1.0

Exp. Docência Ens. Fund. e Médio

0.3 por cada ano

1.0

Bolsas

0.3 por cada modalidade

1.0

Comissões Científicas e organização de eventos

0.2 por cada

0.5




  1. QUALIFICAÇÃO ACADÊMICA (Valor Máximo 2,0)

Coerência dos diplomas/certificados apresentados com a área.

Deverão ser anexados comprovantes da produção intelectual listada no currículo (últimos 5 anos)





UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO – UFRJ


INSTITUTO DE HISTÓRIA – IH

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA COMPARADA – PPGHC





1 - Nome completo:




2 - Endereço completo:




3 - Telefone:

4 - E-mail:

5 - Nº. da carteira de identidade:

6 - CPF:

7 – Nascimento (dd/mm/aaaa):

8 - Nacionalidade:

9 - Vínculo empregatício: ( ) Não ( ) Sim

9.1 - Empresa: 9.2 - Data de Admissão:

10 - Informações sobre a formação acadêmica em nível de graduação e Pós-graduação:

10.1 - Curso de graduação: 10.2 - Instituição: 10.3- Ano de conclusão:

10.4 - Curso de Mestrado: 10.5 - Instituição: 10.6 - Ano de conclusão:

11 - Título do projeto:







12 - Orientador (es) pretendido(s) por ordem de preferência (ver ANEXO 03):

1)

2)

13 - Idiomas escolhidos para as provas escritas de idioma estrangeiro (dois idiomas devem ser assinalados):

( ) inglês ( ) espanhol ( ) alemão ( ) francês ( ) italiano

14 - Indique, em caso de solicitação de liberação de uma das provas de idioma estrangeiro,
a) o idioma em que solicita tal liberação:

( ) inglês ( ) espanhol ( ) alemão ( ) francês ( ) italiano
b) o motivo da referida solicitação (anexar comprovante):

( ) foi aprovado em prova deste idioma no concurso do Mestrado no PPGHC

( ) foi aprovado em prova deste idioma no concurso do Mestrado de outro Programa de Pós-graduação

( ) solicita liberação de prova por possuir certificado de proficiência no idioma, expedido por consulado e instituições internacionalmente reconhecidas, como Toefl, Alliance Française, Goethe-Institut, Instituto Miguel de Cervantes, Instituto Cultural Hispânico e demais equivalentes, emitidos nos últimos 3 anos.

15 - Observações adicionais que deseje registrar:










Local _________________ Data ___/___/2011.

_
Inscrição recebida em _____ / _____ / 2011 por (carimbo e assinatura do funcionário que recebeu a inscrição)
______________________________


Assinatura do candidato





©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal