Vereador Aurélio Hélio Moesch



Baixar 13.61 Kb.
Encontro02.08.2016
Tamanho13.61 Kb.
LEI N° 2.144/2000, de 28 de dezembro de 2000.
Denomina rua “Vereador Aurélio Hélio Moesch”, a via pública sem denominação, localizada no Bairro Porto Quinze, nesta cidade.
ROBERTO ANTONIO TURATTI, Vice-Prefeito Municipal em exercício.

Faço saber, em cumprimento ao disposto no Art. 57, Inciso IV, da Lei Orgânica do Município, que a Câmara Municipal de Vereadores aprovou e eu sanciono a seguinte Lei de Origem Legislativa:


Art. 1º - Fica denominada rua “Vereador Aurélio Hélio Moesch”, a via pública sem denominação, localizada no trecho compreendido entre a rua Tiradentes e terras de propriedade de Romalino Lanzini, passando em frente à Capela Nossa Senhora da Saúde, tendo seu início no Rio Taquari e seu término na rua Tiradentes, no Bairro Porto Quinze, nesta cidade.
Art. 2º - Revogadas as disposições em contrário, a presente Lei entrará em vigor na data da sua publicação.

GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE ENCANTADO, 28 de dezembro de 2000.

ROBERTO ANTONIO TURATTI

Vice-Prefeito Municipal em Exercício



Registre-se e Publique-se


ARISTIDES PEDRO COSER

Secretário Municipal da Administração
Registro no Livro Respectivo n°..................., fls.........................................


J U S T I F I C A T I V A:

Senhor Presidente:


Senhores Vereadores:

Considerando que dentro do Legislativo Municipal sempre buscamos, preservar a história de nosso Município, especialmente enaltecendo o nome daquelas pessoas que na trajetória de sua vida contribuíram para desenvolvimento desta comunidade, julgamos que o presente Projeto de Lei, receberá a merecida acolhida dos nobres pares, pelas razões que passamos a expor:

Aurélio Hélio Moesch, nasceu em 15 de novembro de 1916, nesta cidade, filho de João Teobaldo Moesch e Constantina Lucca Moesch, viveu sua vida toda em Encantado, onde criou vínculos de amizade, trabalho, dedicação e amor por esta terra.

Casou-se em 18/08/1945, na igreja da localidade de Doutor Ricardo, com Leonora Ferronato, onde dessa união nasceram os filhos: Lélia, Luiz Aurélio, Lori Teobaldo, Lucrécio José e Laércio Vicente, tendo todos forte vínculos na Comunidade Encantadense.

“Seu Hélio” como era conhecido, conseguiu desempenhar o seu legado de cristão, sendo sua história repleta de bons exemplos: de sua dedicação como pai e avô, de lealdade e honestidade como oficial de justiça que aqui atuou, de funcionário exemplar dentro da Companhia de Automóveis Guido Ce, de desportista, apaixonado por futebol, sendo atleta e técnico em nossa comunidade, colaborando com os clubes do Jacaré, Lambari, Barra do Jacaré, SCREC e principalmente no Esporte Clube Encantado. Seu Hélio foi também atleta campeão, em 1940, da Taça Ramenzoni e Técnico campeão da zona leste, em 1945. Sua paixão pelo futebol veio da sua raiz, pois seu pai João Teobaldo Moesch ficou na história por uma série de feitos e realizações, sendo que uma delas foi a de trazer a primeira bola de futebol para o Município.

Aurélio Hélio Moesch,sempre foi fiel aos seus ideais e pensamentos. Na política foi um dos fundadores do Movimento Democrático Brasileiro – MDB e posteriormente o PMDB, mas foi através do voto popular, principalmente das comunidades do Bairro Navegantes e Porto Quinze, que se tornou Vereador, graças a sua dedicação e competência em favor dos menos favorecidos. Legislou junto a Câmara Municipal de Vereadores nos anos de 1977 a 1982, onde inclusive fez parte da Mesa Diretora, como Vice-Presidente, buscando sempre defender o cidadão do Município que procurou com dignidade representar em suas atividades de homem trabalhador, simples e honrado que foi. Ainda dentro da política atuou como suplente de Vereador nos anos de 1983 a 1988, sempre pelo Partido do PMDB.


Baseado no exposto, esta Casa tem hoje, a obrigação de fazer justiça com a memória deste cidadão, que por coincidência nasceu exatamente no dia, mês e ano de instalação do Legislativo Municipal, o qual tão bem representou, deixando aqui sua marca como homem público. “Seu Hélio, com certeza cumpriu seu papel na breve passagem por esta vida e merece o respeito e a “lembrança viva”, perpetuada por esta digna homenagem, concedendo esta Casa o nome da rua Vereador Aurélio Hélio Moesch, a via pública localizada no Bairro Porto Quinze, nesta cidade. Hélio Aurélio Moesch, faleceu no dia 08 de janeiro de 2000.

CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE ENCANTADO, 08 de dezembro de 2000.


GILSON CONZATTI



Vereador pela Bancada do PMDB - AUTOR


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal