Viii congresso de Iniciação Científica da Universidade Federal de Campina Grande



Baixar 9.27 Kb.
Encontro01.08.2016
Tamanho9.27 Kb.
VIII Congresso de Iniciação Científica da Universidade Federal de Campina Grande



PIBIC/CNPq/UFCG-2011



EXEMPLA E HISTÓRIAS DE FAMÍLIAS NAS SAGAS MIMETIZADAS POR TITO LÍVIO (AB URBE CONDITA LIBRI – PRIMEIRA DÉCADA).

Breno Gomes de Lima Amorim1, Marinalva Vilar de Lima2
RESUMO
Tito Lívio (59 a.C – 17 a.C), historiador romano, provindo de Patavium (Pádua), escreveu uma grandiosa obra intitulada de Ab Urbe Condita Libri (História de Roma), composta de cento e quarenta e dois livros, dos quais chegaram aos nossos dias trinta e cinco. O eixo norteador de sua escritura é a rememoração de narrativas do passado, das épocas da realeza e da república, que têm o intuito de produzir modelos virtuosos para a prática cívica de sua época. Obra que contribui com o projeto ideológico e reformador do princeps, imperator e augustus Otávio. A obra endereçada para o populus romanorum, cujos vícios, crera, estavam abalando a identidade do ser romano, pela atenção dada ao luxo, às riquezas e o não cumprimento das práticas cívicas em geral, via a história (magistra uitae) como um meio de Roma voltar a sua identidade primeira, a de ser senhora do mundo. Tito Lívio recupera os exempla de indivíduos e de famílias inteiras para a elaboração de seu manual cívico. Portanto, o presente trabalho analisa como se relacionam os exempla individuais e familiares no contexto em que foram mimetizados.
Palavras - chave: TITO LÍVIO – FAMÍLIAS ROMANAS – HISTÓRIA PEDAGÓGICA.
ABSTRACT
Livy (59 B.C. – 17 A.C.), Roman historian, coming from Patavium (Pádua), wrote on a great work titled Ab Urbe Condita Libri (Rome History), its composed by on hundred forty two books, of whom survived until nowadays are thirty-five. The guide of his writing is the remembering of narratives from the past, from royalty and republic, with the objective of produce a virtuous for a civic practice of his period, like this, contributing for the ideological and reformer project of princeps, imperator and augusts Octavian. The work addressed for the populous romanorum whose vices, believe, where shaking the identity of the Roman people, for the attention given to luxury, the richness and the non-compliance of their general civic practices, saw the history (magistra uitae) as a means of Rome return to it first identity, the identity of being the Lady of the world. Livy recovers the exempla of people and familes for the elaboration of his civic guide. Therefore, the present work analyses how are related the individual and families exempla and their respective context that were mimicked.
Keywords: LIVY – ROMAN FAMILIES – PEDAGOGIC HISTORY


1 Aluno do Curso de História, Unidade Acadêmica de História e Geografia, UFCG, Campina Grande, PB, E-mail: breno.limas@hotmail.com

2 Professora da Unidade Acadêmica de História e Geografia, UFCG, Campina Grande, PB. Atua nas áreas de História Antiga, Medieval e Teoria da História. Doutora e Pós- doutora em História Social pela USP. E-mail: iramlima@ig.com.br


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal